I’m not bossy, I’m the boss

Foram estas as palavras de Beyoncé num vídeo que promove a campanha Ban Bossy (ou, traduzindo, banir a palavra “mandona”), uma iniciativa que pretende promover a liderança nas mulheres.

Segundo esta iniciativa (e é verdade) um menino que seja mandão é rotulado de líder, uma menina é apenas…. mandona (bossy)! Esta iniciativa pretende acabar com este rótulo intimidador e promover a autoconfiança nas crianças do sexo feminino, de forma a que elas, as atuais meninas e futuras mulheres, desenvolvam o seu espírito de liderança.

Desta campanha fazem parte nomes como Beyoncé Knowles, Jennifer Garber, Condoleezza Rice, a estilista Diane von Fustenberg e a atriz Jane Lynch, entre outras.

No Facebook já outras celebridades como Victoria Beckham e Mark Zuckerberg se pronunciaram sobre esta campanha, basta pesquisarem pela tag #banbossy.

Vamos encorajar as nossas meninas. We’re not bossy, we’re the boss!

(página da iniciativa aqui)

Anúncios

14 comentários a “I’m not bossy, I’m the boss”

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s