I’m not bossy, I’m the boss

Foram estas as palavras de Beyoncé num vídeo que promove a campanha Ban Bossy (ou, traduzindo, banir a palavra “mandona”), uma iniciativa que pretende promover a liderança nas mulheres.

Segundo esta iniciativa (e é verdade) um menino que seja mandão é rotulado de líder, uma menina é apenas…. mandona (bossy)! Esta iniciativa pretende acabar com este rótulo intimidador e promover a autoconfiança nas crianças do sexo feminino, de forma a que elas, as atuais meninas e futuras mulheres, desenvolvam o seu espírito de liderança.

Desta campanha fazem parte nomes como Beyoncé Knowles, Jennifer Garber, Condoleezza Rice, a estilista Diane von Fustenberg e a atriz Jane Lynch, entre outras.

No Facebook já outras celebridades como Victoria Beckham e Mark Zuckerberg se pronunciaram sobre esta campanha, basta pesquisarem pela tag #banbossy.

Vamos encorajar as nossas meninas. We’re not bossy, we’re the boss!

(página da iniciativa aqui)

Anúncios

14 thoughts on “I’m not bossy, I’m the boss”

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s