Beauty Tip – Como fazer Beach waves

Curiosamente, todas nós gostamos de nos ver saídas da praia. Não é só aquele ar mais bronzeado, as maçãs do rosto coradinhas e o corpo dourado.

Também o cabelo ganha outra vida, a água do mar, o brilho do sol, as ondas naturais… resumindo: ficamos sexy!

Este verão foram lançados no mercado alguns produtos que pretendem ajudar na difícil tarefa de conseguir as desejadas beach waves, mesmo sem sair de casa (bom, o ideal é mesmo ir à praia, mas na impossibilidade de estar de férias 365 dias por ano…).

Ora vejam:

L’Oreal Beach Waves

Captura de ecrã 2014-06-1, às 15.38.43

Franck Provost Ocean WavesCaptura de ecrã 2014-06-1, às 15.37.42 Jean Louis David Beach WavesCaptura de ecrã 2014-06-1, às 15.34.49

A L’Oreal ainda vai mais longe e divulgou um vídeo de como usar o seu spray:

Anúncios

Workspace inspiration

Os escritórios são das minhas divisões preferidas numa casa.

Os que gosto mais são mesmo os branquinhos, com fotos e quadros e muitas coisas femininas como blocos, flores, etc. Mas quando dividimos a casa com outra pessoa nem sempre conseguimos ter um espaço feminino só para nós e há que tentar neutralizar a decoração para que não fique demasiado masculina ou feminina.

Alguns escritórios que vi e gostei.

62d159b559c6921ff41169a5086a65eb

05cc114f1ce0b91f66a8e7da9f89c46c c57d09d8dbfaf347664b49be700a3e8a 6de84009bbd8b9dd44b9d0841b424593 d2d552d34b94782495d48dad1466c3b3 f4fbe96d99934ed4329503c9dbbb679e 116ab4db4ec667b22efc12cabb895a2a a2c08a36ce2b4765186b1482e139df36 be5769556b10b6270242e9468a3f14b2 a2c08a36ce2b4765186b1482e139df36 1208d1a2fee2ad8cb84941aed4492ab6

Uso e recomendo

Há cerca de dois meses, numa escapadinha a Madrid, como não queria levar muitos frascos e tralha, levei uma amostra da base da coleção Teint Ideal da Vichy que me saiu numa revista.

Confesso que foi um pouco arriscado, pois não sabia se a cor seria a minha, se iria gostar, nada. Mas pensei, o máximo que pode acontecer é ser uma cor completamente ao lado e nesse caso, limpo a cara e ando sem base, só com o creme, que às vezes também é preciso.

Mas não podia ter gostado mais. Quando apliquei fiquei contente pois coincidia mesmo com o meu tom (era o tom médio) mas como tinha pouca luz, maquilhei-me normalmente e saí. Só na rua, ao fim do dia é que ele (que estava sempre a reclamar que a minha base era laranja escura demais) é que me diz: “estás mesmo bonita, a tua pele está mesmo bonita”. Só uns minutos mais tarde é que me lembrei que tinha usado uam base diferente e chegamos à conclusão que só podia ser disso. A pele estava mais natural (beeem mais natural), uma cor uniforme, sem imperfeições e lisa e macia.

Quando regressei fui logo comprar a Teint Ideal 35 e uso desde então. O efeito deve-se notar mesmo pois já ouvi outras vezes de algumas colegas “tens a pele mesmo perfeita” (aí deixei-as acreditar nisso, nem falei na base :)).

Há dois tons mais claros e dois tons mais morenos, mas o tom 35 é mesmo igual à cor que tenho agora, depois uso um blush ou bronzeador quando lhe quero dar uma corzinha, mas o tom fica exatamente igual ao do pescoço, que é o recomendável.

Estou fã!