Arquivo de etiquetas: o que nós adoramos eles detestam

O que nós adoramos, eles detestam #3

Se há coisa que os homens não gostam muito é de mulheres com muitos acessórios. Eu confesso que nisso sou um bocado homem e não gosto de ver braços carregados de pulseiras ou mãos carregadas de anéis grandes e vistosos.

Eu adoro usar colares, brincos, anéis, relógio, etc. (e nunca saio de casa sem eles) mas sempre com moderação, se uso um colar mais tchan, tento não exagerar nos brincos, se uso um anel maior não ponho outros anéis na mesma mão e quando uso pulseira na mesma mão do relógio tento limitar a uma, duas no máximo. Tudo isto para não correr o risco de ouvir – como já ouvi alguns homens a comentar sobre uma ou outra mulher que passava – “olha aquela vai vender pulseiras”.

Mas há uma coisa que estou a ficar fã e que apesar de se usar em quantidade, não “chocam” nem dão a sensação de exagero: os skinny rings, ou seja, anéis fininhos, quase como pequenas alianças, que se usam quer na parte de cima, quer na parte de baixo e que acho que dá um ar muito elegante às mãos.

skinny-stacking-rings

À semelhança dos anéis, também sou fã de usar colares fininhos e juntar dois ou três fios. Claro que colares assim fininhos funcionam muito melhor sobre a pele ou um top do que sobre uma camisola de lã grossa, por isso são looks que recomendo mais para o verão.

A H&M oferece uma grande variedade de skinny rings e colares, tudo entre 3,95€ e 7,95€.

Captura de ecrã 2014-02-9, às 17.54.05

Anúncios

O que nós adoramos, eles detestam #2

Descobri recentemente (depois do meu namorado confessar, anos depois, que a primeira vez que fui para fora com ele estava demasiado “dourada” – e eu estava apenas com acessórios dourados!) que os homens não gostam muito de dourados (e brilhos em geral). Acham que chama demasiado a atenção, dizem que é exagerado e que por vezes aproxima-se do “piroso”.

Mas afinal o que é que eles sabem? Nada, não é? Digam eles o que disserem, o dourado, quando usado de forma apropriada, consegue transformar um look banal num look chique e elegante de maneira bastante fácil.

No entanto, é preciso cuidado no ao usá-lo para não exagerar.

– Se usar peças de roupa douradas tente não combiná-las com outras peças fortes. O ideal é escolher uma única peça dourada e combiná-la com peças mais básicas e tecidos simples como jeans, t-shirts ou camisas pretas ou brancas.

– Ao usar roupa dourada, os acessórios deverão ser o mais discreto possível, pois uma roupa brilhante já substitui os acessórios.

– Tal como referi num post abaixo sobre os iluminadores faciais, o brilho destaca a zona em que está. Uma dica é usar as peças douradas em partes do corpo que são menores, por exemplo, se tem os ombros muito estreitos ou o peito pequeno, um top ou t-shirt dourada ajudará a parecer que essa zona é maior.

– Os looks de dourado total em vestidos, por exemplo, devem ser reservados só para a noite e ocasiões especiais.

– Quanto aos acessórios dourados, podem ser usados quer de dia quer de noite, e conferem glamour  e elegância ao conjunto. As cores  que combinam melhor com o dourado são o preto, branco, beges, azul escuro e castanho, no entanto, confesso que também sou fã da mistura com azul forte ou vermelho.

– Se a peça com dourado forem os sapatos, opte por manter o resto da roupa mais discreta.

Golden1. Blanco 2. Bimba & Lola 3. Michael Kors 4. Uterqüe 5. Uterqüe        6. Blanco 7. Blanco 8. Uterqüe 9. Michael Kors 10. Mango 11. Gap

O que nós adoramos, eles detestam!

Sabem quando saem de casa a sentirem-se o Leo di Caprio na famosa cena I’m the king of the world, preparadas para conquistar o mundo com aquela nova tendência que irá deixar as outras mulheres verdes de inveja e os homens vermelhos de desejo? Nessa altura perguntam ao homem ao vosso lado (de preferência o vosso marido, namorado, pai, irmão ou amigo… também pode ser um desconhecido mas aí seria um pouco estranho)  se estão bem e só recebem um hmmm com um encolher de ombros?

Bem, a verdade é que os homens percebem tanto de moda feminina como nós percebemos a diferença entre jantes de liga leve e jantes de liga… pesada (?), ou seja, nada (falo por mim!). Por este motivo, não se interessam se estamos a envergar a peça mais in do momento ou algo que temos no armário desde a adolescência, eles querem é que nos fique bem.

Um desses itens que nós tanto adoramos e que eles não gostam por aí além são as boyfriend jeans. O quê?!? Sim, eu sei, como é possível, ficamos tão sexy! Mas é verdade, eles não gostam. E porquê? Primeiro porque como o nome indica, são masculinas. Segundo, e mais importante, porque são largas. Se é verdade que nem todos os homens nos querem ver a sufocar dentro de uma qualquer peça de roupa ultra justa, a maioria prefere ver o nosso corpo dentro de umas calças que favoreçam a parte de trás, coisa que as boyfriend jeans – lamento! – não fazem. Sobra tecido, a costura é baixa, o bumbum brasileiro para o qual tanto trabalhamos no ginásio fica literalmente perdido ali no meio.

No entanto, as boyfriend jeans têm uma série de vantagens. Por serem mais largas, adaptam-se a eventuais ganhos ou perdas de peso e continuam sempre bem. Pelo mesmo motivo, são ótimas durante a gravidez, podendo ser usadas com o elástico até às últimas semanas. Por fim, por não serem tão justas como as skinny jeans, não impedem a circulação e, logo, evitam o aparecimento de celulite.

As principais marcas têm imensas possibilidades e modelos disponíveis. É só escolher.

Captura de ecrã 2013-12-7, às 19.09.11